quarta-feira, 26 de julho de 2017

MINHA FÉ 23- SER LIXO RECICLADO

Um amigo meu teve um sonho em que o demônio, referindo-se à sua vida passada, disse-lhe, apontando-lhe o dedo: “Você é um lixo”!
O meu amigo respondeu-lhe: “Na verdade, demônio, fui um lixo, mas agora sou um lixo reciclado, uma nova matéria-prima para que Deus faça comigo o que bem entender”!
Na verdade, quando nossa consciência nos acusa pelos pecados que cometemos no passado, nossa atitude deve ser de humildade, reconhecendo que somos pecadores, mas renovados e “reciclados” pelo poder divino, se pedirmos perdão. Deixemos de lado o nosso passado e recomecemos uma vida nova, “reciclada”!
O perdão é uma realidade irrecusável em nossa vida, e nunca podemos dar ouvidos ao demônio quando coloca em nossa cabeça mentiras como a de que não teríamos mais perdão.
Desconfiar do perdão divino é obra maligna, é pecado contra o Espírito Santo, que não tem perdão. Não porque Deus não perdoa, mas porque se nós achamos que ele não pode ou não nos vai perdoar, não pediremos perdão e Deus não poderá agir a nosso favor. Deus sempre e sempre vai nos perdoar, seja lá qual pecado tivermos cometido.
É claro que precisamos ser fiéis na luta para não mais pecarmos! Essa luta, às vezes, é acompanhada de lágrimas, mas “Deus enxugará todas as lágrimas de nossos olhos”. (Apocalipse 7,17 e 21,4).


Nenhum comentário:

Postar um comentário