sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

LUCAS CAPÍTULO 12



Lucas 12,1-12 - FALAR ABERTAMENTE E SEM TEMOR

v. 1-3 - Pode-se evitar a hipocrisia sabendo-se que de tudo o que está escondido será um dia descoberto. O problema é que atualmente a Mídia põe a descoberto nem sempre a verdade, mas muitas vezes a mentira, a fofoca, a calúnia sem fundamento. Conheço pessoalmente, no meu trabalho com os encarcerados, pessoas inocentes que foram condenadas por crimes que não fizeram. Uma vida pode ser destruída apenas por uma calúnia. Certos crimes não precisam de provas para serem punidos: basta, muitas vezes, a palavra da vítima, que nem sempre foi, de verdade, uma vítima.


Evita-se a hipocrisia sabendo-se não só que tudo pode ser colocado à luz do sol, mas também que Deus pode condenar ao inferno. Ou melhor: a própria pessoa se condena, ao praticar a hipocrisia e não se arrepender disso.

v.3 - "Proclamar sobre os telhados" poderia, atualmente, significar pregar o evangelho utilizando-se os meios de comunicação social...

v 4-6 - Não devemos temer a morte, mas o inferno. No meio dos problemas, pensar sempre que Deus nos ampara e nos sustém.

v 6-7 - Valemos ou não mais do que os pardais? Você confia nisso?

v 8-9 - Quem negar a Cristo irá viver sob a própria força, que na verdade não é nada. Deus se retira e deixa a pessoa "se virar" sozinha.

v 10- O pecado contra o Espírito Santo consiste em não pedirmos a salvação, ou acharmos que Deus não nos perdoará os nossos pecados, seja por qual motivo for: ou por nos acharmos pecadores demais, ou por acharmos que ele não tem poder para nos perdoar, ou por acharmos que já estamos condenados. Veja bem: esse pecado não tem perdão não porque Deus não o pode ou não o quer perdoar, mas porque a pessoa não lhe pede perdão. Um suicida, por exemplo, que ainda teve tempo para pedir perdão, poderá ser salvo, mesmo se não conseguir evitar a morte buscada e provocada. Deus respeita o nosso livre arbítrio e não nos obriga a estarmos com ele.

v 11-12 - Precisamos ter confiança em Deus em qualquer situação. Em relação ao medo, diz a pastora norte-americana Joyce Meyer que Jesus nos proibiu ter medo, mas não nos proibiu de suar frio e tremer diante de situações perigosas. Mesmo que tenhamos medo, confiemos na paternidade/maternidade divina.

Lucas 12,13-21- NÃO ENTESOURAR

(FA e TA) - A causa de todos os males é a ganância pelos bens materiais, a vontade de acumular coisas e assim obter o poder sobre os demais. A única maneira de se enriquecer diante de Deus é dedicar-se ao irmão em todos os sentidos, oferecer os dons que Deus nos oferece aos que precisam dele. Nesse ponto, São Francisco de Assis já dizia: só possuímos de fato aquilo que partilhamos. Só levamos para a vida eterna o que demos: tudo o que recebemos fica aqui na terra no dia de nossa morte. 

Quem acumula bens para si e não os partilha é um insensato, um infeliz, um bobão, porque vai perder a vida eterna.

Lucas 12,22-34 - ABANDONAR-SE À PROVIDÊNCIA DIVINA

Nossa maior idiotice é achar que não precisamos de Deus e podemos ser felizes sem ele. As riquezas nunca nos darão a verdadeira felicidade. Viver desesperado atrás do dinheiro, da fama, da projeção social, só nos causa aborrecimento. 

Lute sempre por uma vida melhor, continue trabalhando, mas nunca desconfie da presença de Deus em sua vida. Coloque Deus sempre em primeiro lugar, e isso equivale a colocar o próximo em primeiro lugar, e tudo o mais será dado a você como um presente divino.

Coloque-se totalmente nas mãos de Deus. A isso chamamos "Abandonar-se à Divina Providência". Queira só o que Deus quiser!

Lucas 12,35-48 - PRONTIDÃO

Estar sempre preparados para a morte não fazendo pecados e dedicando-nos ao próximo: amarmos Deus nos outros. Não nos deixarmos levar pelo egoísmo, pelos vícios e mundanismos. Os dirigentes das comunidades devem sempre dar exemplo dessa vigilância e desse desprendimento.

v.37- O próprio Jesus servirá, na vida eterna. os que conseguiram vigiar e continuarem a ser-lhe fiéis..

v 47-48- Muitos veem aqui uma alusão ao purgatório. Também significa que se recebemos muitas graças, vamos ter que prestar contas mais rigorosas a Deus em relação às nossas ações. Muitos que são salvos o são porque ignoravam a palavra de Deus. 

Lucas 12,49-50- JESUS DIANTE DE SUA PAIXÃO

O fogo da palavra anunciada por Jesus, que purifica e salva. A sua mensagem de salvação, o seu Espírito, que no dia de Pentecostes desceu como línguas de fogo sobre os discípulos (Atos 2,3-11) e começou a propagar-se no mundo como um incêndio (FA).

Quanto ao batismo de que fala Jesus, é a sua morte. Pelo nosso batismo, realmente, morremos para o pecado e ressurgimos para uma vida nova.

Lucas 12,51-53- JESUS, CAUSA DE DIVISÕES

A Palavra de Deus, quando pregada, move os ouvintes à conversão, que exige renúncias e muito empenho, muito sofrimento. Isso pode levá-los à uma reação contrária ao ensinamento proposto e consequentemente à divisão, à negação do que é pregado. Já disse Hebreus 12,4: "Vós não resististes até o sangue em vosso combate contra o pecado!".

Lucas 12,54-59- DISCERNIR OS SINAIS DOS TEMPOS

O tempo de conversão, de mudança de vida, chegou com Jesus, e devemos acolher e praticar a sua palavra. Entrarmos de acordo com o irmão, antes que a morte venha e não nos apanhe com sentimentos de ódio no coração.

O versículo 59 é também muito usado para mostrar a existência do Purgatório: "Não sairás (da prisão) antes de pagardes o último centavo" (antes de vos purificardes).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DIGITE AQUI O SEU COMENTÁRIO