sábado, 19 de maio de 2012

A VAIDADE



Que temos nós para sentirmos vaidosos? Olhos, cabelos, boca, nariz pernas, tudo isso nos foi dado pela genética dos nossos pais. Não temos merecimento algum nisso. Somos “produzidos” ou por nossos pais, ou pelos meios de comunicação,social, ou pela sociedade em que vivemos. Se usamos roupa é porque nossa sociedade exige isso. Se o índio não a usa, é pelo mesmo motivo.

É ridículo ver mulheres de 60 ou 70 anos dizerem que têm 45 o 50, escondendo a idade. É preciso SABER ENVELHECER! Se tivermos 50,60,70, vamos agir, pensar e sentir como tal, e nunca como um jovenzinho imaturo de 20 (que, aliás, pode ter mais juizo que um de 60).

Eu não sou jovem. Sou uma pessoa idosa. Minha juventude já passou! Já era! Quero ser alegre, participar, trabalhar, conviver, mas como uma pessoa de mais de 60, e não como uma de 20 (estou achando interessante digitar isto, pois o rascunho eu o escrevi quando tinha 50, e agora já passei dos 65!).

Sei que não vou poder voar de asa delta, ou mergulhar nas Bahamas, porque, em primeiro lugar, não aprendi isso quando jovem , em segundo lugar, não tenho dinheiro para isso, e, em terceiro lugar, não tenho mais idade para iniciar esse tipo de esporte.

Você que já tem 80 anos, orgulhe-se deles! Seja uma digna pessoa de 80 anos! Mas viva sua vida, leia, pratique algum hobby, caminhe, participe da sociedade, tudo como se fosse viver até os 110 anos!

COMO PROCEDER

1-- Esteja sempre apresentável. Isso não é vaidade: é obrigação. Use os enfeites e roupas que combinem com sua idade. É ridículo e hilariante ver uma senhora ou um homem de 70 vestidos como mocinhas e mocinhos de 18! Cada idade tem seus enfeites e tipo de roupa e atrativos próprios. Eu, por exemplo, gosto muito dos meus poucos cabelos brancos!

2- Aprenda a envelhecer. Não queira ter a idade de seus filhos ou netos. Conscientize-se de que, depois dos 40, você vai precisar mais médico, vai estar mais enfraquecido (a), não vai mais estar no pique dos 20.

3- Cuide bem de sua saúde. De sua aparência também, mas sem exageros. Não queira esconder rugas, careca, barriga. Você não vai conseguir enganar a você mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário