sábado, 10 de março de 2012

OS SANTOS DESPREZADOS EM VIDA




09 de março de 2012 (Os vinhateiros homicidas).

O Evangelista Mateus traz-nos, hoje, uma parábola que, de certa maneira, sintetiza e antecipa a Paixão de Jesus, que vamos celebrar uma vez mais dentro de poucas semanas; trata-se da parábola dos maus vinhateiros que, depois de terem maltratado os primeiros emissários, agarram O Filho enviado pelo Dono, O maltratam também, arrastam-No para fora da vinha e O assassinam. Quando O Senhor da vinha vier pessoalmente, que fará?

A resposta foi pronta: “fará perecer, miseravelmente, aqueles desgraçados, e arrendará a Sua vinha a outros, que Lhe dêem o fruto devido, no tempo oportuno.” E Jesus, então, conclui: “nunca lestes na Escritura...” e cita um salmo, o salmo 117: “A Pedra que os construtores rejeitaram, tornou-se A Pedra principal da edificação.”

Esta afirmação, contida no salmo e proposta por Jesus, em primeiro lugar, referia-se a Ele mesmo. Ele mesmo foi A Pedra que os construtores rejeitaram, jogando-A na lata do lixo, isto é, crucificando-O fora da cidade de Jerusalém, mas buscada, por Deus, lá onde estava, na lata do lixo, isto é, no túmulo, foi trazida para a construção, para tornar-Se A Pedra principal da nova construção de Seu povo; da nova construção da Igreja.

Na esteira de Jesus, isto se repetiu na vida de muitos cristãos que foram rejeitados, que foram negligenciados, que foram desprezados e que sofreram pelas mãos dos homens, mas que foram eleitos e eram preciosos aos olhos de Deus. O santo cura de Arse quase não pôde ser ordenado sacerdote, porque os seus superiores o julgavam uma pedra a ser rejeitada, ao menos na candidatura para o sacerdócio. No entanto, foi buscada por Deus e tornou-se, com sua vida, e com o testemunho de sua pregação ardorosa e de sua preocupação apostólica, exemplo a ser imitado por todos os sacerdotes que tem cura de almas.

Santa Bernadete - dizem os biógrafos - recebeu sem número de humilhações no convento para onde ingressou, após ter sido privilegiada com as aparições de Nossa Senhora, em Lourdes, por parte de sua superiora: “não serve para nada.” O bispo, então, respondeu à superiora: 


“se não serve para nada, eu a tornarei capaz e responsável pela oração de intercessão.”


E a Igreja, mais tarde, a canonizou como santa, não, porém, à madre superiora.

E assim, tantos outros que não serviam para nada aos olhos dos homens, eram eleitos e preciosos a Deus. Esta história começou com Jesus, A Pedra rejeitada que foi buscada e Se tornou A Pedra principal. Esta história se continua na vida do Cristianismo, e esta história é atual em todos os tempos. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

DIGITE AQUI O SEU COMENTÁRIO